Antes da Estante

O boato*

Posted in De Quinta by Tomás Chiaverini on julho 3, 2008

Era uma vez alguns amigos ravers que foram assistir ao longa de animação “Madagascar”, da DreamWorks. Em determinado momento do filme, numa suposta menção ao ecstasy, os bichos do desenho tentam arrumar algumas “balinhas” antes de ir para uma festa.

A cena gerou alguma polêmica na época e, aproveitando a deixa, aqueles amigos resolveram fazer uma rave batizada de Madagascar. Com o boca-a-boca impulsionado pela polêmica do filme, a festa, programada para 400 pessoas, recebeu mais de 2 mil.

Houve até um certo caos na hora, tiveram de sair no meio da rave para comprar mais bebidas, mas no fim deu tudo certo e os produtores, empolgados, resolveram fazer logo uma segunda edição do evento.

Com o vultuoso lucro de primeira festa, eles investiram pesado e se programaram para receber nada menos que 8 mil pessoas.

Cerca de duas semanas antes da festa, no entanto, um espertalhão oportunista, sem nenhuma ligação com os organizadores, criou uma comunidade da Madagascar no Orkut. Quando faltavam uns três dias para a rave, ele postou uma mensagem dizendo que a festa havia sido cancelada.

Paralelamente, o mesmo indivíduo alugou um sítio situado apenas 500 metros antes do local onde a rave Madagascar – que não havia realmente sido cancelada – iria ocorrer. Quando chegou na hora da festa, boa parte dos ravers confusos paravam no primeiro sítio, desciam do carro meio em dúvida e procuravam alguma placa que identificasse a rave como Madagascar.

Quando perguntavam sobre o nome da festa na portaria ouviam sempre a mesma resposta:

– Ora, você não soube? A Madagascar foi cancelada. Mas, se você tiver o convite estamos aceitando. Senão você pode comprar um convite para a nossa rave.

O golpe era trazer os convidados da outra festa e lucrar com a venda de bebida tudo o que não era ganho com os ingressos.

Resultado. A Madagascar, programada para um público de 8 mil pessoas, recebeu 2 mil convidados e teve um prejuízo de R$ 50 mil. A outra rave foi um sucesso total, com um público de cerca de 5 mil pessoas.

* A história acima me foi narrada por um raver, amigo de uma amiga de uma amiga, há alguns meses. Depois de muito escarafunchar na internet, finalmente consegui o celular de uma das organizadoras da rave Madagascar, com quem irei conversar no fim da tarde de hoje. Segunda-feira, colocarei outro post, contando se o boato acima é vero ou apenas bene trovato.

Tagged with: , ,

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. Bruno said, on julho 8, 2008 at 15:40

    PUTAMERDA! QUE SACANAGEM!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: